INFORMATIVO
SINPAP/MS
Edição nº 1
COMUNICADO OFICIAL
Cabo da PM que matou perito papiloscopista em ônibus é preso em ação contra máfia do cigarro

Fonte: Blog do Nélio, 15 de Junho, 2018
150618101041 jonas wagner policiais que brigaram 777x369
Reprodução

Segundo informações divulgadas no Blog do Nélio nessa quinta-feira (14), o cabo da PM Vagner Nunes Pereira, que em agosto do ano passado matou com três tiros o Perito Papiloscopista Jhones Gegiori Borges dentro de um ônibus na cidade de Naviraí após uma discussão, foi um dos presos na Operação Oiketicus, que mira policiais envolvidos na Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul.


Ele é um dos oito presos nesta quarta-feira (13) São eles Tenente Novaes, Subtenente Maíra, Sargento Kelson Udjacov, Sargento Espíndola, Cabo Salvador, Cabo Vagner e AL Cabo Ferreira.


Espíndola é irmão de coronel que já se encontra preso desde o mês passado, quando foi deflagrada a operação. Na ocasião, foram presos mais de 20 suspeitos de facilitar o contrabando em Mato Grosso do Sul.


Foram cumpridos oito mandados de prisão e um nome não foi divulgado. Destes, são três policiais investigados em Campo Grande e cinco no interior do Estado.


A investigação identificou suspeitos de liberar cigarreiros diante do pagamento de propina, que variavam de acordo com a carga. Os valores levantados pela operação apontam que os militares recebiam de R$ 2 mil a R$ 100 mil mensais para liberar as cargas.


Operação


O nome Oiketikus escolhido para a operação  é de um inseto conhecido popularmente como “bicho cigarreiro”. Ela foi deflagrada no  dia 18 de maio, em 14 cidades do Estado.


No total, 21 policiais foram presos acusados de participação. Todos foram encaminhados para celas do Presídio Militar Estadual. O Gaeco também realizou uma força-tarefa, que recebeu o nome de “tropa de elite” e cumpriu 45 mandados de busca e apreensão.


RELEMBRE O CASO DA MORTE DO POLICIAL CIVIL


De acordo com fontes de dentro do IML – Instituto Médico Legal, de Dourados, o policial civil, Jonas Ggiori Borges, de 38 anos, que morreu na madrugada de domingo (08-08-2017) depois de uma discussão e briga com o cabo PM, Vagner Nunes Pereira, de 30 anos, dentro de um ônibus que fazia a linha Naviraí-Campo Grande, teria levado o primeiro tiro nas costas.


Os dois outros disparos teriam acertado o tórax e o braço do policial.


Com isso, o laudo pericial passa a ser uma peça mais do que importante para a elucidação do caso e o delegado Eduardo Lucena explica que vai apurar se houve excesso na ação do cabo na abordagem dentro do ônibus. Várias testemunhas já foram ouvidas e tanto a balística como a dinâmica do ocorrido vão ser confrontadas com o depoimento do militar.


Na delegacia, o PM alegou que viu o perito se masturbando dentro do ônibus e que, na abordagem, o policial civil teria tentado sacar uma arma.


“Não era mais prudente pedir para o motorista retornar para ele pedir reforço e fazer uma abordagem segura? Ele estava à paisana, a vítima poderia ter acreditado se tratar de um assalto”, questiona o delegado, informando que nenhuma testemunha confirmou o fato de que o perito estaria se masturbando.


Após o depoimento, Vagner foi liberado. “Se necessário, vamos chamá-lo para prestar mais esclarecimentos”, pontua Eduardo Lucena.


Inquérito militar – O sub-comandante do quartel de Naviraí, tenente-coronel Natanael Bonato de Souza, informou que será feita investigação militar para apurar a ação do cabo. “Pelos primeiros detalhes, caminha para ser uma ação necessária”, avalia.


O sub-comandante disse que ainda não conversou com Vagner, mas que, após conculta com psicólogo, ele pode voltar ao trabalho normalmente durante o inquérito. “Ele passará por avaliação psicológica para verificar se está em condições de ficar no serviço operacional”, informou.


Vagner está lotado no quartel de Naviraí desde 2006. Ele estaria indo passar o Dia dos Pais com o pai, que mora em Campo Grande.


O policial civil era lotado em Naviraí e o PM trabalhava na penitenciária da cidade, ambos não se conheciam e estava em viagem para a Capital. (com informações do site Campo Grande News).

180918111154 2lembrete prazo carteira funcional
- 18 de Setembro, 2018

Para auxiliar os Peritos Papiloscopistas filiados que precisam solicitar sua nova carteira funcional, o SINPAP/MS fez parceria com a psicóloga Antônia Silv... LEIA MAIS

17091809952 arte debate
Com informações de SINPOL/MS - 17 de Setembro, 2018

Nesta quarta-feira (19), às 20h, entidades representantes dos servidores públicos da Segurança Pública Estadual realizarão o evento &... LEIA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS